terça-feira, dezembro 12, 2006

Aqui em Parceria


Hoje, publico um texto, feito em parceria com o Lord of Light. Espero que gostem de o ler, tanto quanto nós gostámos de o fazer. Ao Lord of Light agradeço o facto de ter acedido à proposta sem que por um minuto tivesse vacilado. Ainda bem que não o fez, porque o resultado, no meu ver, ficou fantástico!


Aqui, onde os sonhos se tocam...
Onde os sentires se espelham...
Onde os sorrisos se invocam,
E os medos não imperam...
Aqui, onde a vida surge intensa,
Vivida, sentida, de uma forma desmedida...
Aqui, onde ninguém mais se afoita...
Em lugares onde apenas,
Minha alma se pernoita
Aqui, onde toda a melodia
Não tem conta, nem medida,
Eu balanço e dou os passos
Que escolhi para a minha vida.
E é dentro do meu ser,
Onde eu grito e me revejo
Que coloco no Sentir,
Uma entrega de Desejo!
Aqui, no fundo de mim,
Onde me encontro e me abraço...
Faço escolhas, faço traços
Mas marco eu o meu compasso!
Sob a claridade pálida do dia
Sinto a chuva que de mim rompe
Serena, morna e fugidia
Salgada como o mar
Como um manto de seda fina
Deixo que me acolha e abraça
E a cada gota que me toca
Sinto-a como um novo despertar
Abro os braços e deixo-me embalar
Em pinceladas de cores radiantes
Dessa doce melodia
E no espelho das duas estrelas dos teus olhos
Voo ao teu lado tranquilamente
Por entre outeiros e por planícies
até o nascer de um novo dia

18 comentários:

Passo disse...

belo poem, em harmonia :) mt bem conseguido :) bjs

mperolabranca disse...

Não sabia que o Lord escrevia tão
bem.. parabens para os dois.
Beijokas para os dois.

alexiaa disse...

Queria aqui interpretar esses sonhos, sentires, sorrisos e medos…
Forçosamente tentei questionar o que não vale a pena questionar, é inato, é inexplicável, é pessoal e intransmissível!
Curiosamente e provavelmente porque assim decidi sentir…é um prolongamento da “minha” intensidade!
Um beijo, hoje sinto-me…”pesada”:)

Tacitus disse...

Delicioso...as mentes ligam-se por pontes aquosas. Bom resto de semana!

bono_poetry disse...

senti a fluidez...foi mais que ler...adorei...repitam s.f.f.

Amstist1 disse...

Lindo....Adorei.
Continuem que ficou puro e simplesmente belo a forma das palavras.

Beijos aos dois.
E um forte abraço.

Pinochio disse...

Minha querida amiga, peço desclpa pela ausência mas só tenho tido temo para reencaminhar alguns mails muito bonitos, e não tenho vindo à blogoesfera. Regressei e sou logo brindado com este belo poema. Mas também de ti nem outra coisa era de esperar. Um beijo grande minha amiga, esta cheinho de saudades.

susana-silva3 disse...

Bela parceria...conheço-te, Lord? Nem precisamos ir até ao mar para o sentir, pois não? Aproveito para mandar beijinhos ás minhas primas(igara e patai) e desejar Bom Natal a todos os leitores e comentadores do blog.Até breve...

luar perdido disse...

Voo ao teu lado até ao nascer de um novo dia...Vejo o vosso belissimo voo até ao nascer de um novo poema!
PARABENS A AMBOS, está sublime!
beijos mansos de rendido luar

Anónimo disse...

...gostava eu de ver as estrelas dos teus olhos, para caminhar tranquilo em caminhos onde me guiasses...

Pataininiti disse...

Ola minha manamailindadomundeiarredores!!!
Passei por aqui num destes arrebatamentos nostálgicos de eras bloguistas... e qual não é o meu espanto quando me deparo com esta beleza...que , devo confessar, arrepiou-me como há muito não me acontecia!! Adoro o teu sentir e dou os meus parabéns ao Lord of Light pela participação!

Beijos salgadinhos como o Mar para todos e Um, muito mas muito, especial para ti, nha mana virtual!

pedro alex disse...

É-me tão difícil comentar poesia, fico sempre sem palavras para expressar o que senti ao lê-la. Não me sinto distante dela, pelo contrário, tantas vezes penso poeticamente.
Amizade, Sensualidade, Amor, Misticismo, foi o que mais senti durante leitura dos teus textos, no entanto a “grande” sensação que retenho relaciona-se com luz e simplicidade. Não sei explicar, se tentar rebusco e contrario o que senti, fico-me assim por um gostei imenso de te ler.

Vlad disse...

"Por entre outeiros e planícies
Até o nascer de um novo dia"

Que não vos faltem as superfícies
Onde apoiem a vossa parceria.
Agradece quem gosta de arte e poesia,
A tão talentos artífices.

;)

Bjnhs Igara

Coral disse...

Igarita é nestes momentos em que tudo isto me deixa de fazer sentido que , ao ler os teus textos, renasce a vontade de não deixar a blogoesfera... (pelo menos, enquanto leitora)

Gostei muito do texto obra desta parceria com o Lord. Afinal o Duo nas palavras é mais certo do que o Trio nas cantorias .... ;)))

Beijos e, claro!,: Aaaaaahhhh infinito delirio chamado desejoooooooo

Pinochio disse...

Minha doce e querida amiga, venho deixar-te um beijinho, convidar-te para conheceres melhor a história deste Pinochio, num lugar novo que abri dediado ao cinema, ou não fose eu um cinéfilo compulsivo. Abracinho

Anónimo disse...

Olá...

Passei por aqui e quis tão só dizer-te "Feliz Natal" e obrigado por tudo.

Templ.

Tacitus disse...

Passo apenas para te deixar uns sinceros votos de boas festas. Aquele abraço...

Tarzan disse...

Venho aqui a primeira vez de tanga, ( terá o Sócrates algo a ver com issso?). Gostei muito do que li, e virei aqui mais vezes com o meu grito tradicional e galgando de liana em liana. Um beijo amigo com sabor a selva.