quinta-feira, janeiro 11, 2007

Irritada!!...

Acordei irritada, virada do avesso! Nem sei bem porquê...acho que já tenho demasiado para conter, demasiado por dizer (ou talvez não)!

Irritam-me as posturas dissimuladas, de quem me pergunta se está tudo bem, quando sabe que já me comeu a carne e ainda me roeu os ossos!

Irritam-me as falsas vitimas, que insistem em achar que são o centro do universo, e que vivem com a mania da perseguição (como se tudo o que dizemos lhes fosse dirigido). Pobres... nem desconfiam que são vitimas de um egocentrismo que só pode ter resposta na ignorância a que os remeto!

Irrita-me que olhem para mim, como se eu tivesse um letreiro na testa a passar em rodapé a palavra “estúpida” e que ainda por cima tenham a cara de pau de me perguntar “fiz-te alguma coisa?”.

Irrita-me que me digam Adeus , só para testar a minha capacidade de partir (soubessem o quanto detesto a palavra, jamais ma diriam de forma unilateral!)! É das poucas coisas que me faz partir em definitivo....

Irrita-me que me escrevam VERDADE, sem que me perguntem se minto!

Irrita-me que me cobrem a presença quando eu preciso de estar ausente!

Irrita-me ...já nem sei... hoje, em definitivo não estou nos meus dias!

14 comentários:

Pataininiti disse...

Bem... acho que a genética virtual não se engana e por acaso ou coincidência ou mesmo por que sim, a nossa irmandade virtual está garantida, e somos irmãs de verdade!!! Acordei hoje com a mesma sensação que tu...Irrita-me que me cobrem tudo, quando dou o melhor... Irrita-me que me substimem quando faço toda a papa... e só têm de engolir... Irrita-me que interpretem as minhas palavras como querem, situando-as fora do contexto!! Irrita-me que me "comam" por parva, quando na realidade ignorantes são os que assim pensam... enfim, como te entendo mana!
Beijos salgadinhos como o Mar... Não te dou palavras de alento, porque a mim ninguem me as oferece e só posso contar comigo! E sabendo que és forte, hás-de superar a fase que espero que passe em breve!

herculano da costa disse...

IGNOTO DEO



Desisti de saber qual é o Teu nome,
Se tens ou não tens nome que Te demos,
Ou que rosto é que toma, se algum tome,
Teu sopro tão além de quanto vemos.

Desisti de Te amar, por mais que a fome
Do Teu amor nos seja o mais que temos,
E empenhei-me em domar, nem que os não dome,
Meus, por Ti, passionais e vãos extremos.

Chamar-Te amante ou pai... grotesco engano
Que por demais tresanda a gosto humano!
Grotesco engano o dar-te forma! E enfim,

Desisti de Te achar no quer que seja,
De Te dar nome, rosto, culto, ou igreja...
– Tu é que não desistirás de mim!

(José Régio)


ps: nada cm a poesia para correr os irritanços à vassourada!...

xi-coração
herc

KI disse...

Irrita-me a mentira ignóbil, mais ainda irrita-me a persistência da mentira e irrita-me profundamente não verem mais além...
Amanhã o sol vai brilhar outra vez!
Tu não és disso de andar irritada minha resplandecente Igarita.

Beijos e muitos xis esmifradinhos.

Lucifer119 disse...

...:)))))))) isto é o que se chamará um despertar irratadiço!
...:)))))))) COM um beijo!

Essa Miuda disse...

A mim também me irritam os "cobradores"... incluíndo os cobradores de impostos!

Igarita, tu hás-de dar a volta a essa irritação e transforma-la-ás em qualquer coisa de bom! É essa a tua verdadeira essência. Beijinho grande.

Vlad disse...

"Tarda já a Noite que te (me) acalma!"
porque realmente há dias assim...
Bjnhs

Passo disse...

xixa porra tudo me irrita ... ta me a irritar tanto tempo sem saber nada de ti .. olha la qd almocamos?? bjs

pedro alex disse...

Grande trovão Igara, ainda ribomba?
Sabe muito bem uma descarga das valentes, reanima!
Um óptimo fim-de-semana na certeza de que depois da tempestade vem sempre??? a bonança.
Bjs

ELOQUENTE disse...

A raiva e o desprezo são as melhores armas que podemos ter perante alguém que é absolutamente absorvido pela sua ignorância. Não percas tempo com ignorantes que exercem em si mesmo um voluntariado de cariz egocêntrico
Beijos. Ric

luar perdido disse...

Igara!!! um dia a casa vem abaixo, e penso que por vezes é preciso que assim aconteça, acorda a ignorancia, espevita a moleza e a "cobrança" que sempre nos fazem, mas jamais te esqueças que todos os dias há um raio de sol qu nos ilumina as nuvens de trovoada. Olha o teu e deixa-te aquecer por ele, é unico, é o TEU!!!!Isso, minha querida, ninguém te tira, nem o mais acérrimo cobrador de vidas!.
Beijo doce e bom fim de semana, pleno de mansos luares perdidos de paz.

nene disse...

Todos nós temos dias assim!
Só tens que fazer o que te apetecer e mais nada, que te ama compreenderá.
Nós não temos que ser aquilo que os outros queirem que sejamos.
Alegres, mal humorados, tristes,felizes...temos que ser sempre nós, é a maneira mais honesta de lidar connosco e com os outros.
Um beijinho:)
p.s. Eu quando me irrito vou sózinha a um sitio isolado e grito, fico logo mais bem disposta!

alexiaa disse...

Irrita-me gostar tanto de ti e ficar prostrada sem to dizer mais vezes:).
Igara, sem te querer irritar..gosto de saber como estas...va-se lá saber porque...

Anónimo disse...

adorei... simplesmente...

Nanda disse...

Hoje... Hoje mais que ontem me sinto extremamente irritada!
Uma irritação sem tamanho e com precedentes... Pelo que sou e revendo minhas atitudes diante de adversidades sinto que hoje não será um dia fácil! Terremotos constantes acontecem dentro de minha alma... Procurando acalmar-me divago entre palavras e sons... Entre poemas e canção! Assim sendo, o tempo correndo, a maré cada vez mais alta faz com que as águas tirem o fôlego. O fôlego tão necessário agora como foi há tempos atrás... Rogo paciência e toleraria para minha alma, coração batendo acelerado e a nada benevolente irritação de um ser que talvez não merecesse o que anda a passar...
Mais um dia, mais horas, mais aborrecimentos e... Mais irritação!